sábado, 30 de maio de 2015

SEMENTE DE GIRASSOL: BENEFÍCIOS

A semente de girassol é uma das maiores fontes de nutrientes para a saúde emocional e mental. Há mais de 5 mil anos têm sido usada pelos índios americanos, e foram levadas para outros países pela Espanha.

A semente é uma excelente fonte de fibras e proteínas, com potássio, magnésio, cobre, fósforo, selênio e vitamina E, além de possuir um óleo benéfico para nosso organismo. Possui alto teor de vitamina A, E e do complexo B, além das gorduras poli-insaturadas – ômegas 3 e 6.

As gorduras poli-insaturadas presentes na semente desempenham função auxiliar na redução do mau colesterol e atuam como antioxidantes essenciais para formação e recuperação muscular. O consumo das sementes, alimento rico em ácidos graxos, é eficaz para evitar a incidência de tromboses arteriais, para combater a hipertensão e para a prevenção de doenças cardiovasculares.

As vitaminas do complexo B presentes na semente auxiliam no bom funcionamento cerebral, e a vitamina E colabora com a ação antioxidante combatendo ao envelhecimento precoce, além de minimizar os sintomas da menopausa. O magnésio pode auxiliar no processo de relaxamento muscular e a grande quantidade de fibras ajuda na manutenção do funcionamento intestinal. Rica em fitoesteróis, a semente auxilia na redução dos níveis sanguíneos de LDL e também diminui o risco de câncer. Além disso, a semente, por ser rica em fibras, dá sensação de saciedade, auxiliando no processo de emagrecimento.

 
Sugestão de Consumo

As sementes de girassol podem ser consumidas misturadas em salada de alface ou salada de frutas, em vitaminas, batidas em sucos ou integradas às massas.

O consumo recomendado é de 1 a 2 colheres de sopa ao dia. Quem está em processo de emagrecimento deve estar sempre atento à quantidade consumida, uma vez que seu consumo exagerado pode incrementar o consumo calórico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário