terça-feira, 31 de maio de 2016

FARINHA DE COCO

Obtida da polpa do coco seco e maduro, que após passar por processo de extração do óleo é desidratada e moída até ficar na consistência de um farelo, que lembra a farinha de mandioca. Em sua composição nutricional temos ferro, cálcio, sódio, fibras solúveis e insolúveis, proteínas e baixo teor de gorduras.
Segundo o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, o teor de fibra alimentar do produto pode chegar a 58% e leva uma vantagem expressiva, quando comparado a outros alimentos bem populares na nossa alimentação. "A farinha de coco possui mais fibras do que os outros grãos: quatro vezes mais do que o farelo de aveia, três que a semente de linhaça moída e duas que o farelo de trigo”.

Benefícios da Farinha de Coco

• Auxilia no combate ao diabetes, devido a quantidade de fibras dietéticas no produto, diminui os índices glicêmicos (Pesquisa publicada no Journal of Medicine Food).

• Reduz o colesterol total, o LDL (colesterol ruim) e triglicerídeos.

• Combate a constipação intestinal devido ao alto índice de fibras.

• Auxilia na perda de peso, pois as fibras aumentam o tempo de esvaziamento gástrico, promovendo maior sensação de saciedade.

• Indicada para portadores de doença celíaca (intolerância ao leite), bem como, para pessoas com intolerância ao glúten.

• Auxilia no aumento da massa magra e prevenção da desnutrição, devido a presença de aminoácidos como arginina, alanina e cisteína.

• Contribui para melhorar a capacidade imunológica do organismo, devido a presença dos ácidos graxos (láurico e cáprico).

BOLO FUNCIONAL

Ingredientes
2 ovos
½ xícara (chá) de farinha de arroz
½ xícara (chá) de polvilho doce
½ xícara (chá) de farinha de coco
¼ xícara (chá) de açúcar de coco
1 colher (sopa) de cacau em pó
1 colher (sopa) de alfarroba
70ml de leite de amêndoas
coco ralado a gosto
canela a gosto
pedaços de chocolate 85% cacau sem lactose
óleo de coco para untar 

Modo de Fazer
Bata os ingredientes na batedeira, com exceção das claras, que devem ser batidas em neve e adicionadas delicadamente por último. Despeje o conteúdo em uma forma untada com óleo de coco e farinha de coco. Distribua o coco ralado e os pedaços de chocolate pela massa. Asse em forno pré-aquecido por 30 minutos.

AVELÃ: BENEFÍCIOS

A avelã vêm da árvore do mesmo nome, e talvez sejam mais famosamente conhecida nos dias de hoje por seu uso em confecções, como praline, trufas de chocolate ou Nutella. O país que produz o maior número de avelã no mundo é a Turquia, seguida pela Itália e os EUA. Avelã são uma excelente fonte de micronutrientes, como as vitaminas E, B, B1, B2, B9, A, C, e em proteínas, fibras, vitaminas e minerais como: potássio, cálcio, magnésio, fósforo e manganês. E mais importante, as avelãs contêm um rico suprimento de fitoesteróis, que são uns dos antioxidantes mais poderosos da natureza. 

Os Benefícios da Avelã 

Sistema Cardiovascular: As avelãs são ricas em gorduras insaturadas, do tipo que são realmente bons para o coração. Grande parte dessa gordura é ácido oleico, que pode reduzir o LDL colesterol “ruim” e aumentar o “bom” tipo HDL. Uma xícara de avelã contém quase metade da nossa quantidade diária recomendada de magnésio, um mineral que regula os níveis de cálcio nos músculos. Quando os níveis de cálcio são elevados o coração pode contrair-se, e bater irregularmente. Quantidades adequadas de magnésio mantém o coração saudável.

Prevenção do Câncer: Estudos descobriram que o tipo de alfa-tocoferol da avelã e rico em vitamina E, e pode reduzir o risco de câncer na bexiga. Além disso, o manganês é tão abundante na avelã que vai proteger o corpo contra o câncer. O manganês é um constituinte de uma enzima antioxidante produzido nas mitocôndrias das células para proteger o corpo contra o câncer.

Músculos: Magnésio desempenha um papel importante na regulação da quantidade de cálcio que entra e sai das células do corpo. A quantidade adequada de cálcio no momento adequado estimula a contração muscular, e permite que os músculos relaxem quando eles não são necessários. Isso evita a tensão muscular, dor, espasmos, cãibras e fadiga. De acordo com um estudo italiano, níveis mais elevados de magnésio também aumentou a força dos músculos.

Saúde da Pele: Uma xícara de avelã contém 86% da dose diária recomendada de vitamina E. A vitamina E protege a pele contra os efeitos nocivos da radiação ultravioleta, como o câncer de pele e envelhecimento precoce.

Saúde Óssea e Articular: Cerca de dois terços do magnésio, o corpo vai no sentido de construir a estrutura e a força do sistema esquelético. O magnésio é um mineral essencial na composição dos ossos, e é por isso que o corpo armazena magnésio adicional sobre a superfície dos ossos a ser usado no caso de uma deficiência de emergência. As avelãs são também ricas em manganês, um mineral essencial para o crescimento e resistência dos ossos. As mulheres na pós-menopausa são muitas vezes deficiente em manganês e pode beneficiar da sua capacidade de aumentar a densidade do osso, e combater a osteoporose.

Sistema Nervoso: O sistema nervoso precisa de aminoácidos para funcionar, e os aminoácidos precisam de vitamina B6. Avelãs são ricas em vitamina B6. Além disso, a vitamina B6 é necessária para a criação de mielina, a bainha isoladora do nervo que aumenta a velocidade e eficiência de impulsos elétricos, o que permite ao sistema nervoso funcionar otimamente. Além do mais, a vitamina B6 é fundamental para a síntese dos neurotransmissores serotonina, melatonina, e adrenalina.

Trato Digestivo: As avelãs são ricas em manganês, o que é um ativador da enzima e um catalisador para a síntese de ácidos gordos e do colesterol. Promove também a proteína e o metabolismo de hidratos de carbono. O alto teor de fibras na avelãs garante um movimento regular de comida e resíduos através do trato digestivo, distribuindo a carga de trabalho de maneira uniforme ao longo do caminho e promove o equilíbrio de substâncias químicas e micro organismos necessários para um sistema digestivo saudável.

Rico em Vitaminas B: avelãs são ricas em vitaminas B1 (tiamina), B2 (riboflavina), B3 (niacina), B5 (ácido pantotênico), (ácido fólico) B6 e B9. Contamos com as vitaminas B para desmantelar proteínas, gorduras e hidratos de carbono para nós, proporcionando-nos, assim, com a energia de que precisam para funcionar. A vitamina do complexo B é usado em todo o corpo, especialmente para a saúde do sistema nervoso. As vitaminas do complexo B aliviam o stress, ansiedade e depressão. Além disso, melhoram a memória e são necessárias para a produção dos neurotransmissores, como a serotonina. B9 Ajuda na síntese dos hormônios e riboflavina, e é necessária para os glóbulos vermelhos saudáveis. Niacina melhora a saúde da pele garante o funcionamento normal do sistema digestivo e nervoso. Algumas vitaminas B ajudam a construir e reparar o DNA danificado.

RECEITA

segunda-feira, 30 de maio de 2016

AÇÚCAR DE COCO

AÇÚCAR DE COCO: O ADOÇANTE NATURAL

Produzido de maneira rústica e sem adição de químicos, o açúcar de coco é uma alternativa mais natural e saudável ao refinado. O processo de extração é feito a partir das flores da palma de coco, cujo néctar é retirado e aquecido em uma caldeira, transformando-se em um caramelo espesso. Após isso, o produto é triturado em pequenos cristais, resultando em um açúcar mais grosso e com aspecto amarronzado.

Benefícios do Açúcar de Coco
  • Por não passar pelo processo industrial de refinamento ao qual é submetido o açúcar comum (ou branco), esta versão “integral” mantém as vitaminas e mineiras originais provindos da palma de coco e, por isso, é muito mais nutritiva.
  • Fonte de vitaminas e minerais: vitaminas do complexo B (B1, B2, B3, B6), ferro, zinco, potássio, magnésio, sendo muito mais rico em ferro, magnésio e zinco do que o açúcar mascavo (já conhecido por ser fonte de minerais).
  • O açúcar de coco possui baixo índice glicêmico, que favorece as pessoas com diabetes tipo 2. O açúcar de coco tem um índice glicêmico de 35, muito mais baixo do que o do refinado, que é de 68. Isso quer dizer que a liberação de energia no organismo é muito mais lenta, evitando picos de glicose no sangue.
  • É um adoçante não processado, não adulterado, não filtrado.
  • Sem conservantes e 100% natural
  • É conhecido como o adoçante mais sustentável do mundo.
Apesar dos benefícios, é importante notar que o açúcar de coco não é menos calórico do que o refinado. A diferença é que, enquanto o segundo apresenta alto teor calórico e quase nenhum teor nutritivo – ou seja, é uma caloria vazia – o segundo oferece as mesmas calorias com bastante nutriente

BARRINHA NATURAL

Ingredientes
Barrinha
½  xícara de amêndoas
½  xícara de nozes
¼ de xícara de farinha de linhaça 
¼ de xícara de coco ralado sem açúcar
¼ de xícara de manteiga de amendoim
¼ xícara de óleo de coco
1 colher (chá) de extrato de baunilha
1 colher (sopa) de açúcar de coco 
½ colher (chá) de sal

Ganache
100g de chocolate meio-amargo 
1 colher (sopa) de creme de leite fresco

Modo de Fazer
Barrinha:Toste o coco, nozes e amêndoas numa frigideira em fogo médio-baixo, até ficarem ligeiramente dourados. Coloque no processador de alimentos os ingredientes que foram tostados e até ficarem picadinhos. Derreta o óleo de coco e manteiga de amendoim no microondas por 30 segundos ou numa frigideira. Coloque todos os ingredientes numa tigela grande e misture bem. Em seguida transfira esta mistura para forma pequena (pão/bolo Inglês) e aperte-a no fundo da forma, e deixe numa espessura de +/- 1cm. Leve freezer por 30 minutos, depois desenforme e corte em pedaços. Se desejar adicione um ganache de chocolate meio-amargo por cima 

Ganache: Derreta os ingredientes no microondas por 30 segundos ou em banho-maria. Mexa até que o chocolate esteja completamente derretido e liso. Espalhe sobre as barrinhas e deixe esfriar na geladeira.

PASTA DE AMENDOIM

RECEITA